Ponto Certificado: como funciona?
Metadados

Ponto certificado: como funciona?

É inquestionável a relevância do cumprimento do registro correto do horário de trabalho pelo colaborador.

O registro do horário de trabalho é uma prática prevista na legislação trabalhista, em que o profissional, ao chegar e ao sair do seu local de trabalho, indica o começo e o fim de sua jornada, registrando o horário em que executou suas tarefas e que permaneceu à disposição do empregador. Esse ato é conhecido como “bater o ponto”.

A responsabilidade da fiscalização desse registro, bem como do controle da frequência dos profissionais é do empregador (com mais de 10 empregados), de acordo com o parágrafo 2 do artigo 74 da Consolidação das Leis Trabalhistas. Por isso, a melhor forma de cumprir essa obrigatoriedade é por meio de ferramentas padronizadas e em conformidade com a lei.

Contudo, quando nos referimos aos colaboradores que não executam suas tarefas na sede ou nas filiais da empresa (locais físicos), como motoristas profissionais, trabalhadores por contrato de cessão de mão de obra, adeptos do teletrabalho e profissionais terceirizados, fica a dúvida: como a empresa pode garantir e ter segurança dos registros? Existe uma forma de controle eficaz, sem ônus ou bônus para ambos os lados? Esse é um grande obstáculo que corporações, independente de porte ou segmento enfrentam.

Foi pensando sobre isso que a Metadados — empresa que desenvolve e oferece sistemas para a gestão de RH — desenvolveu este conteúdo. Afinal, informar os profissionais de Recursos Humanos, empregados e empregadores sobre as últimas atualizações do mercado é um dos nossos objetivos.

Acompanhe aqui como sua empresa pode garantir o controle do trabalho remoto de seus colaboradores com segurança e assertividade.

A importância do registro correto

É inquestionável a relevância do cumprimento do registro correto do horário de trabalho pelo colaborador. Visto que a empresa e o empregador efetuam o pagamento ao profissional de acordo com as horas despendidas para a execução de suas tarefas, é justo e necessário que esse controle seja o mais rigoroso possível.

O registro é base para sanar problemas comuns nas corporações, como discussões sobre horas extras, registro de banco de horas e até ações judiciais.

Contudo, a forma de efetuar esse controle é de escolha do empregador. Existem diferentes formas para isso, mas a mais indicada é o controle eletrônico, que precisa ser homologado pelo Ministério do Trabalho e Emprego, conforme prevê a Portaria 1510, de agosto de 2009.

Ou seja, o registro do ponto automatizado, além de facilitar a gestão dos dados e controle das informações, fornece maior segurança e confiabilidade, tanto para a empresa como para o colaborador. Essa modalidade de registro evita a possibilidade de fraudes ou alterações nas informações das jornadas de trabalho.

O ponto eletrônico certificado

A Portaria nº 373, de fevereiro de 2011, dispõe sobre a possibilidade de adoção pelos empregadores de sistemas alternativos de controle de jornada de trabalho, isto é, para que a marcação do ponto seja efetiva para os trabalhadores que não executam suas tarefas em locais onde estejam instalados os relógios pontos físicos.

Assim, a empresa poderá utilizar o MOB Metadados – Aplicativo mobile para a marcação do ponto, também conhecido como ponto certificado. Com ele, o controle dos horários dos profissionais que executam suas atividades externamente se torna mais eficaz. Todavia, é importante ressaltar que para a empresa adotar essa facilidade, é necessária autorização por Convenção ou Acordo Coletivo de Trabalho.

Assim, o MOB Metadados o é uma ótima alternativa e é muito utilizado por diversos setores, principalmente por transportadoras, visto que seus colaboradores (motoristas profissionais, caminhoneiros) permanecem a maior parte do tempo em deslocamento.

Com a aprovação da reforma trabalhista, abriu-se a regulamentação para o teletrabalho que também poderá ter a jornada controlada pelo aplicativo mobile de marcação do ponto. Outros profissionais como os da construção civil, vendas, logística, transportes, segurança, e muitas outras, também poderão adotar essa agilidade, também fornecida pela Metadados.

A usabilidade do MOB Metadados

O MOB Metadados foi desenvolvido para executar o ciclo completo de marcação de ponto, ou seja, registrar, carimbar e armazenar as marcações do colaborador em centrais de dados independentes. Essa marcação pode ser feita por meio de dois processamentos: web ou mobile. Dessa maneira, o profissional poderá registrar no seu celular ou por um computador, tendo sua senha e login.

A solução com armazenamento em nuvem é totalmente móvel e possui integração com o software de gestão de frequência da Metadados que, automaticamente, envia os dados do registro do ponto efetuado pelo colaborador ao sistema, informando em tempo real o RH sobre as horas trabalhadas, faltas, horas extras, entre outras. Esta instantaneidade, além de permitir maior controle, reduz os custos para a empresa e propicia maior segurança.

Outro benefício do MOB Metadados é a pessoalidade, isto é, é possível identificar o colaborador que registra o ponto por meio de uma selfie, biometria digital, facial de voz, além de leitores de código de barras e crachás. É mais uma garantia à empresa.

Os alertas emitidos pelo aplicativo permitem que o gestor verifique os pontos registrados fora dos horários e locais (geolocalização) previamente autorizados pela empresa. É possível também programar o sistema com uma espécie de cerca virtual, em que se estabeleça uma limitação de posição geográfica para essa marcação. Isso automatiza a gestão, permitindo maior assertividade nas tomadas de decisões, já que tudo ocorre de forma imediata.

O MOB Metadados possui certificação da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP Brasil), bem como cadeia hierárquica e de confiança com irrefutabilidade, disponibilizada pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (TI) com a tecnologia ACT BRy. Dessa maneira, as marcações possuem validade jurídica reconhecida.

Todas essas vantagens só são possíveis por meio de um aplicativo mobile confiável.

Considerações

O maior desafio de empresas que têm grande parte de seus colaboradores realizando trabalhos externos é uma solução de marcação de ponto confiável. Nesse sentido, o MOB Metadados – Aplicativo mobile para a marcação do ponto – atende às necessidades de empresas das mais diversas áreas. Afinal, para todas elas, a existência de um relógio ponto físico é inviável.

O MOB Metadados é uma alternativa muito mais barata e lucrativa, já que possui custo incomparavelmente menor que o tradicional relógio de ponto físico. É a solução ideal para trazer confiabilidade, robustez, acessibilidade e segurança jurídica à corporação.

Quer descobrir se você e sua empresa estão gerenciando esses dados de forma correta, cumprindo com a legislação? Realize o Quiz e veja como melhorar seus processos!