8 dicas essenciais de como formar uma equipe eficiente - Blog do RH
Metadados

8 dicas essenciais de como formar uma equipe eficiente

A competitividade acirrada, devido à globalização do mercado exige, que as empresas formem equipes cada vez mais eficientes. Porém, saber como formar uma equipe qualificada e comprometida com os resultados da organização nem sempre é tarefa fácil para os gestores de Recursos Humanos.

Uma cultura organizacional que não seja cuidadosamente conduzida pode ser um dos principais elementos que fazem com que as equipes de trabalho não saibam exatamente qual o seu papel na empresa, acarretando prejuízos para o profissional e também para a companhia.

No post de hoje, nós, da Metadados – empresa que desenvolve sistemas para a gestão de RH – listaremos 8 principais dicas para que a sua empresa tenha sucesso nos processos de formação de equipes de trabalho eficientes. Confira:

1. Acompanhamento do profissional

O primeiro passo para obter equipes de trabalho eficientes é traçar um perfil comportamental de cada colaborador e instituir um plano de crescimento profissional, baseado em suas competências e habilidades, aliando-o aos objetivos estratégicos da organização. Nesse plano, deve-se identificar as potencialidades de cada colaborador e de que forma elas poderão ser desenvolvidas e utilizadas para alcançar melhores resultados.

Empresas que fazem uso desse tipo de gestão de pessoas obtêm melhores resultados e assertividade ao formar uma equipe, pois conseguem unir habilidades complementares ou divergentes, dependendo do que é esperado como meta, incentivando o trabalho em equipe e valorizando o crescimento profissional de cada colaborador.

2. Focar no objetivo comum

As melhores equipes são compostas por pessoas com diferentes perfis comportamentais e que apresentam variedade de competências e habilidades, trabalhando em prol de objetivos comuns. Para isso, é fundamental que haja a comunicação constante acerca dos objetivos estratégicos da organização, assim como de seus projetos, as suas dificuldades e os seus avanços.

Os colaboradores precisam entender qual o seu papel dentro da empresa e quais as expectativas que os gestores têm no desenvolvimento do seu trabalho, refletindo tais necessidades no relacionamento com os demais membros da equipe. Quando todos caminham no mesmo sentido, os resultados da equipe são potencializados e mais fáceis de serem atingidos.

3. A importância do líder

Outro item de fundamental importância na formação de equipes eficientes é o papel do líder, que possui destaque nesse processo devido ao seu contato direto com os subordinados e por poder motivá-los na conquista por melhores resultados. Por esse motivo, os gestores de RH precisam treinar os líderes para que eles sejam ferramenta auxiliadora no engajamento da equipe.

Para ter uma equipe coesa e comprometida, o líder precisa seguir alguns princípios, como: saber ouvir e entender seus colaboradores, delegar tarefas e saber cobrar com base na capacidade de cada um e nos objetivos da empresa, dar retorno sobre os processos, saber formar novos líderes e ser exemplo de boas práticas e comportamentos de trabalho. 

4. Estimular o debate de ideias

A troca de ideias entre as pessoas estimula a construção de saberes comuns. Na realidade, equipes eficientes conseguem respeitar diferentes opiniões e, por meio do diálogo, são capazes de construir uma ideia consolidada, extraída em conjunto por todos os que participam desse processo.

Cabe aos gestores proporem ações e projetos em que todos os membros de uma mesma equipe possam dar suas opiniões, sugerindo melhorias ou apontando críticas construtivas, ou seja, dar oportunidade e voz a contribuições de todos os colaboradores em processos participativos.

5. Criar relações transparentes

A transparência nas relações de trabalho é outro item importante para que as equipes estejam comprometidas em alcançar bons resultados para a organização. Para tanto, é preciso estabelecer canais e fluxos de comunicação definidos, de modo que não haja desencontro de informações.

Todos da empresa precisam falar a mesma linguagem, isto é, estarem alinhados com a missão, visão e valores defendidos pela empresa. Desse modo, os processos fluem melhor, não havendo entraves no desenvolvimento de tarefas rotineiras e agilizando o trabalho, o que torna as equipes mais eficientes e coesas.

Neste sentido, é sempre recomendável que a empresa seja transparente com as suas políticas, as suas ações táticas e estratégicas, assim como com os seus resultados financeiros.

6. Manter um bom clima organizacional

O clima organizacional é fator determinante no desempenho das equipes de trabalho. Afinal, ninguém rende trabalhando em lugares onde há muita competitividade e pouca cooperação. Cabe a cada profissional manter uma atitude ética e respeitosa para com seus pares de trabalho, preservando um ambiente agradável para trabalhar.

Visando melhorar cada vez mais o local de trabalho e o clima entre os colegas, muitas empresas promovem dinâmicas e treinamentos comportamentais. Nessas ocasiões, é possível conhecer melhor o trabalho e o perfil de cada colega de trabalho em uma outra perspectiva, construindo relações de amizade que serão refletidas na execução do trabalho. Entretanto deve ser sempre lembrado que são as lideranças, em todos os níveis, aqueles que possuem o papel de protagonistas na construção de um ambiente de trabalho excelente.

7. Promover incentivos

Todos os colaboradores gostam de receber incentivos pelo bom desenvolvimento de seu trabalho. Realizar campanhas de marketing, de vendas e de resultados focando em incentivos e prêmios, além de aumentar os resultados produtivos, também melhora o desempenho profissional dos colaboradores, que se sentem motivados na conquista dos benefícios.

Promover incentivos não significa apenas dar prêmios ou benefícios. Muitas vezes, valorizar um funcionário com cursos, participação em workshops e envolvimento em projetos especiais já representa um incentivo necessário para que o colaborador e sua equipe trabalhem com mais eficiência.

8. Reconhecer os esforços

O reconhecimento de boas práticas é tarefa importante para manter a motivação e a autoestima de cada um dos membros de uma equipe elevadas. Bons resultados são obtidos quando há análises reais e honestas sobre o desempenho de cada colaborador, apontando as falhas e os caminhos para corrigi-las.

Os gestores e líderes precisam aprender a elogiar quando o trabalhador executa bem uma tarefa, incentivando-o a continuar progredindo e trazendo bons resultados para a empresa. Tal reconhecimento pode ser feito individualmente ou em grupo, dependendo da estratégia a ser adotada.

Por fim, a formação de equipes de trabalho eficientes traz benefícios para a empresa e também para o desenvolvimento de cada colaborador. Gestores de RH devem adequar-se ao novo modelo de gestão de pessoas para que sua empresa possa alcançar melhores resultados.

Afinal, saber como formar equipes de sucesso tem a ver, também, com determinação em executar o trabalho da melhor maneira, estimulando os gestores a desempenhar melhor seu papel perante a empresa e perante os outros profissionais.